DEADLINE

 

Contemplada pelo 6. Prêmio Zé Renato através da empresa Cordery e Viana, Deadline é um texto de Priscila Gontijo e tem direção de Fernanda D'Umbra. Estreou em junho de 2018 na Oficina Cultural Oswald de Andrade, no Teatro Anexo. 

Ao lançar um olhar subversivo e transgressor sobre a sociedade brasileira, Deadline, de Priscila Gontijo, revela o encontro de duas mulheres que aguardam na sala de exames ginecológicos. Aos 40 anos essas mulheres experimentam crises diferentes em suas vidas.

 

A atriz Guta (Maria Fanchin), em pleno desastre profissional, amoroso e familiar vai morar com a roteirista Nicky (Nicole Cordery), que passa igualmente por um desastre de proporções idênticas. Sem solução para suas vidas elas tentam se adaptar ao que chamamos de "vida normal". 

NICOLE CORDERY
NICOLE CORDERY
NICOLE CORDERY
NICOLE CORDERY

Dominadas pela burocracia, dívidas financeiras e relacionamentos que se desfazem, as duas tentam emergir dos escombros. Em meio a tentativa de sobrevivência, elas lidam com a figura masculina nas suas mais diversas formas: homem/ patrão/ namorado/ gerente, todos vividos pelo ator Edu Guimarães. 

FICHA TÉCNICA

Texto: Priscila Gontijo

Direção: Fernanda D’Umbra

Elenco: Eduardo Guimarães, Maria Fanchin e Nicole Cordery

Cenários e Figurinos: Anne Cerrutti

Iluminação: Hernandes de Oliveira

Trilha Sonora Original: Conrado Goys

Direção de movimento: Vitor Vieira

Assistente de direção: Mariana Leme

Programação visual: Pablito Kucarz

Assessoria de Imprensa: Pombo Correio

Produção: Maria Fanchin e Nicole Cordery 

NICOLE CORDERY